Morador da zona rural terá que fazer cadastro na Secretaria de Infraestrutura para obter reparos na iluminação pública

Morador da zona rural terá que fazer cadastro na Secretaria de Infraestrutura para obter reparos na iluminação pública

- em LAGOA SECA
207

Com o propósito de oferecer um serviço público mais rápido e de qualidade ainda maior, a prefeitura está requisitando que moradores da zona rural de Lagoa Seca façam cadastros na Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo, para que os reparos na iluminação pública sejam melhor direcionados a quem vive nessa região.

O interessado deve procurar a Secretaria de Infraestrutura, de segunda a sexta, nos turnos da manhã e tarde, apresentando algum pedido referente à iluminação de sua rua – como a troca de lâmpada de poste que já não funciona mais, por exemplo. É crucial está portando na hora do cadastro um documento com foto e uma conta de energia recente.

Nesta quarta-feira, as comunidades do Distrito de São Pedro (Campinote), Guabiraba, Conceição e Oiti foram os pontos de parada para esse tipo de tarefa. Já nesta quinta-feira, será a vez dos postes do Cumbe receber novas lâmpadas. Nesse intervalo, portanto, foram quase 30 trocas, informou um dos funcionários.

Por enquanto, essa ação ficará apenas nas instalações da zona rural do município, conforme destacou o prefeito Fábio. Entretanto, além de garantir que todos os pedidos serão atendidos, o gestor pediu a paciência da população nesse tipo de socorro.

Uma verdadeira força-tarefa formada por homens da Infraestrutura avança quando o assunto é a troca de lâmpadas queimadas por outras novas de LED. O serviço ainda inclui alguns reparos nas fiações e nas estruturas dos postes.

Lâmpadas de LED têm muito mais eficiência e luminosidade. Além de proporcionarem redução de até 40% no consumo de eletricidade, representam uma opção sustentável, pois quase não demandam manutenção e há redução na utilização de água para a geração de energia.

 

Da Redação com Ascom

Comentários com o Facebook

Você também pode gostar de:

Justiça determina retirada de perfis que espalhavam “fakenews” contra prefeito de Lagoa Seca/PB

Em decisão limitar, o juiz da 13ª Zona