Justiça nega indenização a homem que teve celular roubado dentro de farmácia em Campina

Justiça nega indenização a homem que teve celular roubado dentro de farmácia em Campina

Um homem teve o pedido de Danos Morais negado pela Primeira Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba, à Apelação nº 0809844-85.2016.815.0001 apresentada por Idalino José de  Menezes.
Ação de Reparação por Danos Morais e Materiais na 8ª Vara Cível da Comarca de Campina Grande, por ter seu celular roubado no interior de uma farmácia por um homem não identificado.
Segundo Idalino, no dia 25 de maio de 2016, por volta das 18h30, o ele  se encontrava na Farmácia Dias Ltda, quando um homem, que estava armado, efetuou um assalto no estabelecimento, levando o dinheiro do caixa e o celular e o seu celular. Por esse motivo, Idalino José ajuizou a ação, pedindo a condenação da ré em indenizações por danos materiais, em R$ 1.008,99 (valor do aparelho celular), e danos morais, em R$ 5.000,00.
Da decisão cabe recurso.

Comentários com o Facebook

Você também pode gostar de:

NESTE DOMINGO: Crianças vão representar a cidade de Lagoa Seca em Campeonato de Jiu-Jitsu, em João Pessoa

Pelo menos seis atletas mirins vão representar a